FRUSTRAÇÃO NO CONSEMA-RS

A reunião do CONSEMA, na tarde de hoje, foi de causar perplexidade. A instância máxima de deliberação das políticas públicas ambientais, por 15 X 10, votou contra discutir o projeto Mina Guaíba, requerido e embasado legalmente pela MIRA-SERRA. As justificativas contrárias poderão ser conhecidas quando disponibilizada a ata, para as devidas conclusões…

Na sequência, o pedido das entidades ambientalistas (AMA, IGRE, MIRA-SERRA e UPAN) para que fosse apresentada a proposta do novo Código Estadual do Meio Ambiente, também teve algumas manifestações contrárias. Por sugestão do presidente, a solicitação foi encaminhada para a CT Assuntos Juridicos para que avaliem a pertinência (!?!?!).


Entretanto, a Resolução 383/2018 tem se caracterizado por discussões repetidas, num vai-e-vem entre Câmara Técnica e Plenária