MUDANÇAS CLIMÁTICAS na ALERGS

 

A MIRA-SERRA participou, em 18/6, da audiência pública da Comissão de Saúde e Meio Ambiente/Assembléia Legislativa-RS: “Mudanças climáticas: desafios da sustentabilidade e da produção de alimentos saudáveis”.

                    

A coordenadora-presidente, da MIRA-SERRA, utilizou o tempo disponibilizado para intervenções, e registrou a sua

preocupação adicional em relação às apresentações da manhã. Referiu-se à indicação do deslocamento de culturas para as áreas de maior altitude (como medida de mitigação). No entanto, são nestes o locais onde ainda existem os remanescentes mais expressivos da Mata Atlântica e seus ecossistemas associados – aliás, tema de audiências nesta mesma Casa. Portanto, deslocar culturas e plantações de exóticas arbóreas (erroneamente referidas como “florestas” na palestra) nunca poderá substituir o equilíbrio ecológico. E, contrariamente, estaremos entrando em um novo ciclo de extremos climáticos ainda mais significativos.

Alertou que se deveria manter os níveis apresentados para o aquecimento (já que retroceder estaria fora de questão) ao invés de buscarmos ações mitigadoras destes impactos.  

Sugeriu, ainda, que o legislativo se empenhe em uma política pública que contemple os Planos Municipais de Conservação e Recuperação da Mata Atlântica (citando a legislação federal pertinente). Estes, se elaborados e efetivamente implementados, se tornarão ferramenta importante no enfrentamento as mudanças climáticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *