NA LINHA DO TEMPO…

Em São Francisco de Paula/RS, independentemente de onde se esteja, o Instituto MIRA-SERRA tem registrado na sua história pela conservação do patrimônio natural, histórico e imemorial. Atividades burocráticas no município permitem, portanto, comparações espaço-temporais e algumas reflexões:

Após uma década, ao menos, a placa em São Francisco de Paula se manteve. A sinalização foi resultado do trabalho de 10 anos da MIRA-SERRA, com apoio do Ministério Público e do DAER, para identificação de pontos críticos para o atropelamento da fauna silvestre nativa.
😒 Agraciada com a ocorrência natural da Mata Atlântica (bioma dos mais ameaçados de desaparecer do planeta), o município segue investindo na vegetação exótica. Uma lástima sob todas as perspectivas. A fauna e flora nativas são a base da manutenção da qualidade e quantidade da riqueza hídrica.
Inspeção de Sabiá-do-campo (Minus saturninus modulator): será que estas espécies arbóreas fazem parte deste ecossistema?🤔🤔🤔
👍Se retirarem aqueles Pinus sp (ao fundo), a revitalização da calçada será a benfeitoria mais correta já realizada para visualizar um atrativo natural no município. A cascatinha, ao lado do acesso principal à São Francisco de Paula, mostra dois ecossistemas da Mata Atlântica: Floresta Ombrófila Mista e Campos de Altitude. Que tal uma placa com informações ecológicas? Ficamos à disposição!